Revista Êxito na Educação

Brasil conquista primeiro lugar em Olimpíada Ibero-Americana de Matemática

Agência FAPESP – O Brasil saiu vitorioso da 28ª edição da Olimpíada Ibero-Americana de Matemática, realizada no Panamá. A equipe brasileira, formada por quatro estudantes, ganhou medalhas de ouro e prata na competição encerrada na sexta-feira (27/09).

Rodrigo Sanches Ângelo (SP) foi o destaque da equipe brasileira e conquistou a medalha de ouro, atingindo a pontuação máxima da prova. Os estudantes Franco Matheus de Alencar Severo (RJ), Victor Oliveira Reis (PE) e Rafael Kazuhiro Miyazaki (SP) ganharam a prata.

A equipe brasileira, que desta vez foi liderada pelos professores Eduardo Wagner (RJ) e Pablo Rodrigo Ganassim (SP), tem experiência em competições internacionais. Em julho deste ano, o time obteve um bom desempenho na Olimpíada Internacional de Matemática.

O evento teve a participação de 78 jovens com idades entre 13 e 18 anos de 20 países de América Latina, Portugal e Espanha. A competição envolveu a resolução de problemas que abrangiam as disciplinas de álgebra, teoria dos números, geometria e combinatória.

O Brasil é o país ibero-americano com maior número de medalhas conquistadas na competição até hoje. Desde 1985, ano em que o país iniciou a sua participação no evento, seus representantes conquistaram um total de 101 medalhas: 51 de ouro, 39 de prata e 11 de bronze.

A próxima edição do evento será em Honduras. Para participar, os competidores precisam ter no máximo 18 anos e não podem ter participado da competição em duas edições anteriores.

Mais informações: http://www.obm.org.br/opencms/

Publicado originalmente no Boletim da FAPESP - 01/10/2013